[an error occurred while processing this directive] PUBLICIDADE

Menu

Menu


Página Inicial

OBM 2001/2002

Rádio Portal Matemático

I Desafio Portal Matemático

Material de Apoio

Exercícios de Apoio

Testes on-line

Desafios Matemáticos

História da Matemática

Conceitos de Matemática

Biografias de Matemáticos

Pensamentos Matemáticos

Curiosidades Matemáticas

História do Dinheiro

Trocas de Moeda no Brasil

Jogos Matemáticos on-line

Programas matemáticos

Programas para download

Sugestões de livros

Prêmios recebidos pelo site

Galeria dos Vencedores

Comunidade / Interatividade

Recomende este site para um amigo

Colégio Domus Sapientiae



Site hospedado por:

INTERNET HOST


Prêmio recebido:


Visitantes on-line no site agora:

      BIOGRAFIAS DE MATEMÁTICOS          
ERASTÓTENES

(276 - 194 a. C.)

Matemático, astrônomo, geógrafo, historiador, poeta e atleta grego nascido em Cirene, conhecido por ter sido o primeiro a estimar o comprimento da circunferência terrestre e tratar, com maior ou menor profundidade, todas as ciências de seu tempo. Homem de ampla cultura, o geógrafo e matemático grego morou e estudou na sua juventude em Atenas e depois em Alexandria, quando foi convidado por Ptolomeu III para lá ensinar, especialmente a seu filho Ptolomeu Filadelfo, e ser o bibliotecário da Universidade (outros bibliotecários históricos: Zenódoto, Apolônio de Rodes, Aristófanes de Bizâncio, Apolônio Eidógrafo, Aristarco). Respeitadíssimo por Arquimedes, foi o primeiro astrônomo a determinar com relativo sucesso a medida da Terra, medindo a diferença de latitude entre as cidade de Siena (hoje Assuã) e de Alexandria, no Antigo Egito, situadas sobre o mesmo meridiano mas em latitudes diferentes. Sabendo que a distância entre as duas cidades era de cinco mil estádios egípcios, estimou sua circunferência em cerca de 250 000 estádios (37 000 quilômetros), como publicado no tratado Sobre a medida da Terra. Hoje é bastante conhecido por ter inventado o célebre Crivo de Eratóstenes (230 a. C.), um método sistemático para determinação dos números primos. Em Catasterismos reuniu lendas em que os personagens transformavam-se em astros. Na geografia construiu um mapa de todas as terras emersas sobre um quadriculado geográfico desenhado com sete retas horizontais paralelas ao diafragma (ver Dicearco), três ao norte e quatro ao sul, e uma dúzia de retas verticais perpendiculares as horizontais e equiespaçadas.

(Fonte: Site Só Biografias : http://www.sobiografias.hpg.com.br )

FASTbanner! - Clique Aqui!
Fastbanner!